PROJETO PESCAR

 

20140625161416projeto_pescar

Logo Consórcio

O Projeto Pescar surgiu em 1976, por uma iniciativa do empresário Geraldo Linck (1927/1998) e inicialmente foi intitulado de Escola Técnica Linck. O empresário resolveu criar esse projeto após presenciar a cena de um jovem assaltando um idoso e chocado, mas ao mesmo tempo inquieto com aquela situação, decidiu que deveria tomar uma providencia e num ato de coragem, pois enquanto muitas pessoas se trancam em suas casas para se sentirem seguras, ele abriu as portas da sua empresa para que 15 jovens em vulnerabilidade social aprendessem uma profissão. Os resultados alcançados com as primeiras turmas foram tão bons, que chamaram a atenção de organizações socialmente responsáveis.

Em 1995 o projeto ganhou grandes proporções, pois contou com a adesão de diversas empresas e instituições e passou a ser administrado pela Fundação Projeto Pescar, evoluindo para uma rede que é responsável pela formação profissional de mais de 27.600 jovens(até 2015) em 126 unidades espalhadas por todo País e também no exterior.

UNIDADE PROJETO PESCAR CVG

Na CVG o Projeto Pescar iniciou em 2011, tendo como facilitadora a sra. Josiane Kohls, dirigente sr. Carlos Alberto Bonaccorso De Domenico, articulador sr. Celso Luiz Bona e educadora social sra. Jeigisbela Sacht Tomelin.

Até o ano de 2017, a Unidade Projeto Pescar CVG formou 13 jovens em Mecânica Industrial(2011), 16 em Eletricidade(2012) e 71 em Processos Industriais(2013/2014/2015/2016/2017), somando um total de 100 jovens atendidos.

CVG 2011

CVG 2012

CVG 2013

CVG 2014

CVG 2015

Em 2015, a srta. Juliane Rodrigues Grossl passou a integrar a equipe como educadora social, e no ano de 2016 o sr. Joelcio Costa Moreira tornou-se o articulador da UPP CVG.

2016

2017 (2)

Neste ano de 2018, a Unidade Projeto Pescar CVG passou a contar com um novo articulador sr. Edinei Heide além de 39 voluntários e 13 jovens dispostos a fazer a diferença e conquistar uma posição de destaque no mercado de trabalho. O lema desse ano é “Nada vence um bom trabalho.” frase do patriarca do Projeto Pescar sr. Geraldo Linck.

pp cvg_2018

UNIDADE PROJETO PESCAR CONSÓRCIO RIO NEGRINHO

Em 2015, o sr. Carlos Alberto Bonaccorso De Domenico, dirigente da UPP CVG, fechou uma parceria com 12 empresas de várias áreas(moveleira, medicina do trabalho, papéis, alimentícias, plásticos e combustíveis), criando a UPP Consórcio Rio Negrinho.

Esta Unidade é composta pela facilitadora sra. Josiane Kohls, dirigente sr. Renato Munch, articulador sr. Celso Luiz Bona e educador social sr. Lincol Pedro Drosdek.

Até 2017, a UPP Consórcio Rio Negrinho já formou 43 jovens no curso de Introdução à Logística, que trabalham em algumas empresas parceiras do consórcio.


1ª Turma

2ª Turma

PP con 2017

Em 2018, temos o sres. Luiz Claudio e Mário Sérgio Zilli Bacic como dirigentes da nova turma em processo de qualificação na mesma área de atuação, que contém 14 jovens de diversos bairros da cidade, com idade entre 15 e 17 anos. O lema desse ano é “O talento vence jogos, mas só o trabalho em equipe ganha campeonatos.” de Michael Jordan.

PP con 2018

DEPOIMENTOS

Depoimento do sr. Carlos Alberto à Fundação Projeto Pescar em Novembro de 2015:

Os egressos que contratamos são proativos e demonstram interesse em se afirmar na empresa, através de participações em cursos técnicos para aprimoramento de sua capacitação. A cada ano, a expectativa com o Pescar cresce, quer seja em âmbito pessoal, quer seja em âmbito familiar, pois há a oportunidade de encaminhamento profissional, somada ao relacionamento, à organização e ao reconhecimento da comunidade dos valores, como o voluntariado. Acreditamos que estes jovens estarão contribuindo para formação de uma sociedade cada vez mais correta, responsável e participativa.

CARLOS ALBERTO BONACCORSO DE DOMENICO

Diretor-superintendente

Depoimento fornecido pelo jovem egresso da 2ª turma, Lucas Schroeder em Novembro de 2015:

“O Pescar abriu minha mente para novas ideias, novos caminhos, novas áreas profissionais. Conheci a ‘elétrica’ e fiquei fascinado pela infinidade de conhecimentos a serem adquiridos na área. Durante o curso, fui contratado como jovem aprendiz de eletricista pela empresa CAHDAM. Em 2014, fui efetivado como auxiliar de eletricista. Agora em 2015, concluí o curso Técnico em Eletrotécnica e atuo na empresa como eletricista industrial e já fiz o vestibular buscando vaga no curso de Engenharia Elétrica.

LUCAS SCHROEDER, 21 anos

Diretor-superintendente, Carlos Alberto Bonaccorso De Domenico, com o Egresso Lucas

Fontes: